Bordar o jaleco se tornou uma moda há bastante tempo e não faltam profissionais nos consultórios e clínicas exibindo figuras, seu próprio nome e outras coisas. Essa é uma forma barata e duradoura de se destacar em um ambiente no qual todo mundo se veste praticamente da mesma forma.

Se você está indeciso entre bordar ou não o seu jaleco, veja agora algumas boas razões para fazer isso.

Um toque lúdico para quem trabalha com crianças

Os profissionais da saúde podem encontrar a resistência das crianças na hora do atendimento, o que é compreensível. É por causa disso que quanto mais lúdico for o ambiente e o próprio médico, melhor. Afinal, qual criança não ficaria encantada em ser atendida por um dentista com o jaleco cheio de bordados com tema de desenhos animados?

O ideal é apostar em bordados que agradem a todo mundo, ou seja, dá para inserir no mesmo jaleco escudos de super-herói, personagens de desenhos e de contos de fada e muito mais. Isso serve até para puxar assunto com as crianças e ajudá-las a ficar mais calmas durante a consulta.

Alegria para pacientes internados e idosos

Não são apenas as crianças que precisam de um toque lúdico durante o seu tratamento: quem está internado e os idosos também costumam se beneficiar de um atendimento mais alegre. O jaleco pode ajudar a trazer uma atmosfera de diversão e de distração, lembrando que a boa condição emocional dos pacientes costuma fazer muita diferença no tratamento, como já é comprovado por estudos.

Facilita a identificação

Muitos profissionais bordam apenas o seu nome e a sua especialidade, o que ajuda bastante na sua identificação dentro da clínica ou do hospital. Também há quem borde o logotipo do lugar em que trabalha, mas isso é mais viável para quem atende apenas em um lugar, a menos que esse profissional tenha vários jalecos.

Mudar um pouco o look

Como dito no começo, os profissionais acabam estando sempre iguais no setor de saúde e bordar o jaleco com algum desenho diferente é uma maneira de compor um estilo.

Onde bordar o jaleco

Há costureiros especializados em fazer bordados, inclusive em jalecos; estes fazem o trabalho com máquinas próprias e o cliente escolhe qual é a figura ou a escrita que deseja ver bordada, determinando também em qual parte do jaleco quer que ela seja feita.

O prazo para que um jaleco seja bordado varia e quem opta por bordar figuras maiores ou que usem mais de uma cor de linha podem pagar um pouco mais.

Cuidados antes de bordar o jaleco

Apesar de bordar o jaleco ser uma prática comum, quem trabalha em hospitais e clínicas precisa ficar atento às regras internas. Há lugares onde os profissionais só podem bordar o seu nome e a especialidade, enquanto outros permitem que se coloquem símbolos e figuras, desde que não ofendam nenhuma classe de pacientes. O ideal é falar com o superior e até mostrar o que se deseja bordar.

Aqui na Faiko Jalecos você adquire o seu Jaleco ou Pijama e já pode sair com ele BORDADO! É só informar o seu Nome e Especialidade no ato da Compra, APROVEITA! 

Acompanhe a gente nas Redes Sociais!​